13
Aug

Lion Sands Treehouses – Casas de luxo na árvore

Oi amores, tudo bem?

Imagine passar a noite sob as estrelas em uma luxuosa e privativa casa na árvore em meio a uma floresta na África do Sul. Um local onde você pode jantar ou apenas tomar alguns drinks, enquanto a noite cai e você ouve a selva ganhar vida. Que tal passar uma noite a céu aberto em cima de uma plataforma de madeira lindamente decorada com velas e tochas, onde tem uma banheira com água quente e uma cama linda e confortável? Para alguns essa ideia soa como maravilhosa e  excitante, mas eu fico nervosa só de pensar em passar a noite em meio a selva em uma casa sem paredes, onde a qualquer momento um inseto ou bicho tenebroso poderá chegar e acabar com minha vida (nada dramática!).

Você deve estar se perguntando como isso funciona, né? Pois bem! Os funcionários do Lion Sands deixam você lá ao entardecer e voltam pela manhã para servir o café da manhã. Eles também deixam repelentes e um rádio casovocê  precise se comunicar. É uma aventura em tanto hein?

Vejam só que lugar mágico e que luxo de casa na árvore:

lionsandslionsands1lionsands5lionsands2lionsands8lionsands6lionsands10lionsands3

29
Jul

Belvedere house and gardens

Oi meninas lindas, tudo bem?

Quando o verão chega faço até dancinha no meio da casa. Sério mesmo kkkk. Não tem coisa melhor que passear com a família com temperatura amena e roupas mais leves. Os dias ficam mais longos, floridos e agradáveis. Ótimo para explorar novos lugares, de preferência onde tenha natureza abundante e muitas flores.

Posso dizer sem medo de errar que um dos lugares mais bonitos que conheci nos últimos tempos é o Belvedere house and gardens. Que lugar incrível!!

Belvedere house é um palácio rural localizado nas proximidades de Mullingar, no Condado de Westmeath, Irlanda. Construído em 1740, os seus jardins incluem “The Jealous Wall” (o muro ciumento), um lago, muitos acres de uma floresta linda e maravilhosa, playground para as crianças e até um café bem legal.

O bom é que dá para levar a cesta de pequinique e passar o dia por lá aproveitando cada detalhe daquele lugar incrível. Nem preciso dizer que a Zahrinha amou tanto o passeio que não foi fácil tirá-la de lá 🙂

Vejam as fotos que belezinha:

13895127_659190914236925_8680241469022038560_n13920577_659190927570257_415981597561941199_nbelvedere13900170_659190924236924_5905898983636640663_n13876613_659606020862081_1154092756765155483_nbelvedere213921082_659190930903590_3332392654026509104_n13907140_659193474236669_1086064236742281351_n13939317_659190920903591_7071602888190021774_n13906626_659606240862059_647007857490020237_n13938486_659634857525864_1785256483386057179_n

25
Jul

Amor de mãe

Há três anos atrás quando descobri que estava grávida levei um choque. Lembro que ter mais um filho (ou filha) não  fazia parte dos meus planos. Eu já estava acostumada a viver a vida devagar, sem muitas responsabilidades.

Entrei no banheiro com um teste de gravidez e uma incerteza. Sai de lá aos prantos. Não podia ser verdade o que aquele teste me dizia. A ficha só caiu quando fiz o primeiro ultrassom com 8 semamas de gravidez e pude ver que uma pessoinha pulava dentro de mim. Uma coisinha tão pequenininha, indefesa e dependente. Naquele momento o amor de mãe aflorou e veio com força total.

Foi uma gravidez difícil e cheia de complicações. Depressão fortíssima, dores, dez infecções renais, repouso absoluto, anemia e uma ansiedade sem fim. Mas, cada vez que ela mexia dentro de mim me confortava e fortalecia.

Zahrah nasceu prematura, pequenininha, frágil, tão linda que eu não parava de admirar.

O pós parto da cesariana sozinha em um país estranho foi difícil. As horas a fio em que ela gritava com cólicas foram castigantes. Cuidar da Zahrinha em tempo integral e sozinha foi exaustivo. Não vou ser hipócrita e dizer que sinto falta do barrigão pesado da gravidez com todo desconforto que ele trás, porque eu  não sinto a mínima falta. Também não tenho saudades da época que ela era um bebê bem pequerrucho, porque também não tenho. Mas, posso dizer sem culpa que curti cada momento, que amei e amo demais a minha bonequinha linda, que quero mais é que ela cresça e se torne exatamente aquilo que Deus planejou para ela.

Minha bebezinha está crescendo e se tornando uma menina linda e muito esperta. Ela completou 3 anos no sábado passado (23/07). Este ano não fizemos festa. Nós a levamos a um café onde tem um playground maravilhoso com obstáculos e piscinas de bolinhas. Almoçamos fora e ainda comemos bolo prestígio feito por mim. Ufa! Foi um dia bem cansativo e muito divertido.

vem me seguir no

@colorindoavidablog

Colorindo a Vida - Todos os Direitos Reservados - Copyright © 2016