19
Sep

Amizade não se compra, se conquista

Oi gente, tudo bem?


Em novembro de 2012 cheguei na Irlanda com duas malas e muitos sonhos. Queria casar, trabalhar, fazer novos amigos, viajar o mundo… Casei e engravidei. Trabalhar e viajar ficaram para depois. Não que eu não pudesse ser mãe e trabalhar ao mesmo tempo, ou que meu marido me proibisse de trabalhar. Não! Eu escolhi ficar em casa cuidando da minha pequena. Queria poder participar do seu desenvolvimento no dia a dia. As viagens foram adiadas porque viajar o mundo com uma criança pequena não é tarefa fácil e eu não iria dar conta. Juro que não iria!

Tinha dias que eu amava a Irlanda, já em outros odiava tudo. Alguns dias apenas reclamava e chorava a dor da saudade da família e dos amigos tão queridos que ficaram do lado de lá do Atlântico. Na verdade eu queria uma ou duas amigas brasileiras aqui onde moro para que juntas pudéssemos tomar um café e dar boas risadas.

Gastava horas nos grupos do facebook tentando encontrar uma brasileira que morasse na cidade onde moro. Distribuía gentilezas e simpatia que acabavam soando exageradas, só para ter um pouco de atenção e amizade. Até que chegou um dia que eu cansei dessa vida de ficar por aí mendigando amizade. Passei a gostar da minha companhia e aprendi a apreciar a companhia da minha filha. Hoje em dia não vejo problema algum em ir sozinha as compras, restaurantes, cafeterias, ou em qualquer outro lugar. Já fui até mesmo no cinema sozinha e aproveitei muito. A Zahrinha além de ser minha companheirinha nos passeios, também é minha malinha sem alça temperamental que dá um trabalho, ufa! Quando ela cisma com alguma coisa sai de baixo porque o choro é ensurdecedor e o melhor é vir para casa rápido.

PS: Essa foto foi feita há umas duas semanas quando fomos todos a um coffe shop onde estavam pintando o rosto das crianças. A Zahrinha ama tigre e foi decidida a se tornar um tigre kkk. Depois ficou o tempo todo imitando um tigre e rindo muito.



Deixar um comentário

2 Respostas para "Amizade não se compra, se conquista"

Anissah
25-11-2016 @ (11:57)

Oi Andreza
Eu tambem era assim como você. Tentava fazer amizades no facebook em varios grupos mas claro que aquilo nao se tornava uma amizade muito profunda. Estou em Londres e mesmo assim é dificil fazer amizades. A minha grande companhia é a minha filha de apenas 2 meses. Agora nao tenho tempo para nada kkkkk
×.×

Responder


Andreza Gomes Andreza Gomes - November 25th, 2016 em 12:23 pm respondeu:

Bem difícil aprofundar uma amizade via facebook 🙂 Infelizmente é difícil fazer amizade verdadeira em outros países. Sua filha é sua melhor amiga pq aqui é do mesmo jeito kkk. Bjiimm e obrigada pela visita.

Responder


vem me seguir no

@colorindoavidablog

Colorindo a Vida - Todos os Direitos Reservados - Copyright © 2017